domingo, janeiro 15

Sou tudo, sou nada. Sou irritante, enjoada. Sou de lua, sou de sol, sou brava. Sou carinhosa, briguenta, responsável demais, sou idiota, tento ser engraçada na maioria das vezes pra tirar as pessoas da “fossa”… Sou uma verdadeira chorona em silêncio. Sou grudenta com quem eu amo muito, irritante também. Velha, eu sou muito, não pela idade, mas pelas minhas atitudes… Eu estou a tentar aproveitar a vida, e se tu não gostas disso, eu estou-me um pouco a .. não querer saber disso

1 comentário: